Cinema

A história do cinema no Brasil começa no final do século XIX, mais precisamente em julho de 1896, quando ocorre a primeira exibição de cinema no país, na cidade do Rio de Janeiro. A película escolhida era dos irmãos Lumiére chamada: “Saída dos Trabalhadores da Fábrica Lumière”.

No mundo, o cinema tem início com os irmãos Lumière (Auguste Marie Louis Nicholas Lumière e Louis Jean Lumière), em dezembro de 1985, na cidade de Paris. Inicialmente o cinema era mudo, e somente na década de 1930 que surge o cinema falado.

No começo do século XXI, o cinema brasileiro adquire novamente sucesso no cenário mundial, com diversos filmes indicados para festivais e Oscar. Por exemplo, “Cidade de Deus” (2002) de Fernando Meirelles; “Carandiru” (2003) de Hector Babenco; “Tropa de Elite” (2007) de José Padilha; e “Enquanto a Noite Não Chega” (2009), de Beto Souza e Renato Falcão.

Com a introdução de novas tecnologia (3D, por exemplo), as produções e a quantidades de salas de cinema no país, crescem cada vez mais. Alguns pesquisadores da área denominam o período como a pós retomada do cinema brasileiro, em que a indústria cinematográfica do Brasil se consolida.